Espetáculos

Fuzuê_Flyer_Web_2014

Fuzuê no Sertão Encantado é um espetáculo de Mamulengos criado pelo artista bonequeiro piauiense Leandro Silva, inspirado em vivências, oficinas e rodas de conversas que promoveu pelo Nordeste no Piauí, Ceará, Maranhão e Alagoas. Ao longo de 03 anos, levado pelo fio condutor da imaginação e da energia da cultura popular nordestina, foram criados os personagens e esquetes individuais, que foram se amarrando e construindo a trama do seu espetáculo.

Fuzuê no Sertão Encantado narra a aventura de Maneco para se casar com o seu amor, Carminha. No caminho, ele tem que enfrentar o intransigente Coronel Tião, que propõe um desafio como requisito para conceder a mão de Carminha em casamento: enfrentar a terrível Lilith, serpente encantada entocada no Grotão da Serra Malhada para trazer-lhe a pele. Acompanhado de seu fiel escudeiro, o Boi Mimoso, Maneco aceita o desafio e parte para o Grotão da Serra Malhada.

O formato final do espetáculo foi feito durante a residencia artística realizada em 2013 no Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, em Porto Alegre – RS. A proposta é que este seja um “work progress” sem fim de pesquisa, experimentação e interação do Teatro Popular do Nordeste e sua estética com outras linguagens artísticas.

Saiba mais: https://fuzueencantado.wordpress.com/

capa_face

Devaneios é um espetáculo de Teatro de Animação autoral criado através de trabalho colaborativo pelo Grupo Fuzuê Teatro de Animação (Porto Alegre – RS), com direção geral de Leandro Silva.

A criação do espetáculo envolveu um amplo trabalho de pesquisa e experimentação, integrando conceitos, tipos e vertentes do Teatro de Animação (Bonecos, Máscaras, Sombras, Objetos) e do Teatro Visual.

A trama do espetáculo é construída através da costura de 06 enredos criados colaborativamente pelo Grupo Fuzuê Teatro de Animação. Fantasia, medo, loucura, viagens transcendentais, rito e vivência são partilhados com a plateia, através da linguagem do Teatro de Animação, com força mais na imagem e nas visualidades sugeridas pelo espetáculo, do que pelos seus significados. O espetáculo se completa na cabeça de cada espectador…

O elenco buscou elementos para a criação em diversas e curiosas fontes, como a Noética, a Deep Web, o Codex Seraphinianus, a Cibernética, os Universos Paralelos, em conceitos ligados à Espiritualidade e a partir das experiências de vida de cada um dos participantes.

O projeto conta com o apoio do Núcleo de Teatro de Animação do Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, da Guayí, da Casa de Cultura Mário Quintana e financiamento da Secretaria Estadual de Cultura do Rio Grande do Sul, através do Fundo de Apoio à Cultura (FAC).

Saiba mais: https://devaneiosblog.wordpress.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s